O TEMPO SITE 10 09 2017 EXATO.jpg

Piloto catarinense da Porsche Cup, André Gaidzinski mantém rotina de treinos em simulador

Objetivo é aproximar ao máximo a atividade online da realidade e aperfeiçoar técnica de corrida

Foto: Cintia Pieri / Divulgação
André Gaidzinski mostra o simulador utilizado para os treinos da Porsche Cup

A pandemia da Covid-19 paralisou inúmeras atividades, uma delas foi a Porsche Cup, categoria da qual participa o piloto catarinense André Gaidzinski. Sem competição, ele mantém a rotina de treinamentos em um simulador de corridas, algo que antes era visto como diversão se tornou essencial para garantir técnica apurada de pilotagem.

- Antes os simuladores eram recursos de videogames, mas hoje abrangem amplamente o conceito da palavra. Uso um cockpit completo com todo o sistema de volante e pedaleira, com imagens de apoio de alta qualidade e que reproduzem de forma muito realista uma pista - explica.

André aponta que o objetivo do simulador é aproximar ao máximo o treino da realidade. O piloto aponta algumas diferenças básicas em relação a estar dentro do carro, como o uso de equipementos obrigatórios de segurança.

- As únicas diferenças são treinar em uma sala com temperatura normal, pois na corrida real ela se aproxima de 65 graus celsius dentro do carro, e não precisar usar capacete. A similaridade de estar pilotando um carro da Porsche Cup é impressionante e a sensação de "segurar" o automóvel na pista é muito parecida no simulador - descreve.

Gaidzinski vai detalhar mais sobre o treinamento em live na quinta-feira, a partir das 19h.

O simulador usado pelo catarinense é profissional e teve a maior parte de seus componentes fabricada nos Estados Unidos. Ele permite praticamente todos os ajustes como são feitos no carro de corrida, como regulagens mecânicas de câmber, caster, troca de amortecedor, de molas, barras estabilizadoras, regulagem de freio e de pressão dos pneus.

- É muito próximo do real, pois o simulador também consegue reproduzir o desgaste dos pneus, mostra se tem alguma coisa quebrada ou solta no carro, como no caso de uma batida durante o treino simulado, por exemplo - completou.

A Porsche Cup ainda não definiu o calendário para o restante da temporada.


Por GloboEsporte.com - de Florianópolis


Imagens



Contatos